Boletim Eletrônico
Antônio Carlos Biffi
EDUCAÇÃO É PRIORIDADE
Formado em pedagogia pela Faculdade de Filosofia, Ciência e Letras de Tupã/SP, o professor Antonio Carlos BIFFI sempre atuou em defesa dos direitos dos trabalhadores e da educação pública.
Foi fundador e presidente, por três mandatos, da Federação dos Trabalhadores em Educação/MS (FETEMS); presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT); vice-presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE); e, na década de 80, contribuiu na consolidação do Partido dos Trabalhadores (PT) em MS.
MOVIMENTOS SOCIAIS
Sempre em sintonia com os movimentos sociais, Biffi participou diretamente de importantes momentos políticos, entre eles a campanha Diretas Já; Anistia, Ampla, Geral e Irrestrita; Luta Pela Terra; renúncia do presidente Fernando Collor de Mello e na campanha de Combate à Fome, onde foi coordenador em Mato Grosso do Sul.
EXPERIÊNCIA ADMINISTRATIVA
Na Secretaria de Estado de Administração, durante o Governo do PT, organizou e modernizou a gestão da máquina pública, aprovou o Plano de Cargos e Salários para o funcionalismo público e criou a CASSEMS (Caixa de Assistência dos Servidores/MS).
SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO
Como Secretário de Estado de Educação, Biffi ampliou o programa de Segurança Alimentar (Bolsa Escola) em Mato Grosso do Sul; implantou o programa educacional de combate ao analfabetismo no estado chamado Cursinho Popular (curso pré-vestibular gratuito); e concentrou investimentos na reforma, ampliação e modernização das escolas estaduais, além de negociar melhores condições de trabalho e salários para o magistério.
TRABALHO COM SERIEDADE
Exercendo o 3º mandato de deputado federal, Biffi é responsável por importantes projetos educacionais, com destaque para a construção de 10 escolas técnicas federais, nos municípios-pólo de Campo Grande, Três Lagoas, Aquidauana, Coxim, Corumbá, Ponta Porã, Dourados, Jardim e Naviraí, e a construção de 95 Centros de Educação Infantil (CEINFs) em todos os municípios de Mato Grosso do Sul.
Além disso, ainda na área da educação, é importante lembrar que o deputado Biffi foi o relator do Projeto de Lei 4.659/2005, que criou a Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD); garantiu a interiorização (construção e implantação) da Universidade Federal de MS (UFMS) e trouxe para o Estado importantes programas, como o ProUni, ProJovem, Universidade Aberta do Brasil (UAB), Escola de Fábrica e Brasil Profissionalizado.
ATUAÇÃO PARLAMENTAR
Sempre na defesa de uma educação pública de qualidade, o deputado Biffi luta pela implantação do Piso Salarial Nacional dos Profissionais do Magistério Público; regulamentação do diploma de médico formado no exterior, recursos do Pré-Sal para investimentos no setor educacional e a conversão de parte da dividia externa em recursos para a educação pública brasileira.
COMISSÃO DE EDUCAÇÃO E CULTURA
Na Comissão de Educação e Cultura, na qual foi membro titular nos últimos 10 anos, Biffi agregou força para aprovar a criação da Unilab (Universidade Federal da Integração da Lusofonia Afro-Brasileira), o fim da DRU (Desvinculação de Receitas da União) e o FUNDEB (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação).
A presença do parlamentar na Comissão de Educação e Cultura contribuiu para importantes debates de programas ainda em análise no Congresso Nacional, como o novo Plano Nacional de Educação (PNE), 10% do PIB para a Educação e 100% dos royalties p/a educação pública.
Além disso, o parlamentar foi membro da Comissão Especial que elaborou o novo Plano Nacional de Educação (PNE) 2011-2020 e relator do Projeto de Lei 1209/11, que criou o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (PRONATEC), ação que tem como objetivo construir 200 unidades federais, expandir, interiorizar e democratizar a oferta de cursos técnicos e profissionais em todo o país.
QUARTA-SECRETARIA DA CÂMARA DOS DEPUTADOS
Em 2013, o parlamentar continua com papel de destaque no Congresso Nacional. Além da sua atividade parlamentar e importante representante da educação pública de Mato Grosso do Sul, em fevereiro, deste ano, Biffi foi indicado por unanimidade pelo seu partido, o Partido dos Trabalhadores, para assumir a Quarta-Secretaria da Mesa Diretora da Câmara dos Deputados, que tem a responsabilidade de supervisionar, monitorar e fiscalizar os apartamentos funcionais em Brasília. A incumbência apresentada ao deputado Biffi foi aceita e o trabalho, já plausível, encontra-se em andamento.
CAMPO GRANDE/MS
Rua Alagoas, 2110 - Vila Célia
Fone/Fax: 3326-4489
CEP: 79022-370
© 2011 Antônio Carlos Biffi